Contas fáceis de fazer

O Evangelho de hoje é a parábola dos talentos.
Talento é uma moeda que, facilmente entrou na nossa linguagem como dom, dote especial...
Mas não, o talento do evangelho é mesmo moeda.
Para perceber melhor das avultadas quantias que se entregaram aqui faço uma actualização de preços:
Um talento é equivalente ao salário de seis mil dias de trabalho;
Seis mil dias de trabalho equivalem a duzentos meses (dezasseis anos e meio);
Uma pessoa que ganhe o ordenado mínimo nacional irá receber por duzentos meses de trabalho cento e sete mil euros.
Portanto, o senhor da parábola entregou ao primeiro empregado quinhentos e trinta e cinco mil euros, ao segundo duzentos e catorze mil euros; e ao último cento e sete mil euros... De que se queixava ele? Era pouco? Bom domingo!

Mensagens populares deste blogue

Oração para o início de um retiro

A fecundidade do casal

fr. José Maria Ribeiro, op (1939-2018)