Pequenos gestos que nos trazem a felicidade

Ontem, alguns da João 13 fomos ao Centro de Apoio Social dos Anjos. Tínhamos pedido esta visita e foi importante porque tem as três valências que a João 13 vai também desenvolver: o banho, a roupa e a refeição. A Directora do CASA foi muito simpática e mostrou-nos tudo. Falou-nos da realidade teórica e prática. No refeitório estavam pessoas sem-abrigo a jantar: sopa, esparguete com carne assada e salada, fruta ou iogurte. Impressionou-me ninguém falar com ninguém. Mas é assim, não são um grupo, só partilham a mesma sorte, não há muito a contar. Mas no centro de acolhimento, onde estão 15 pessoas, fala-se. Encontrámos um senhor, de 59 anos, que contou-nos a sua história sem nós pedirmos: que tinha vivido no jardim do Campo Grande, que nem no Júlio de Matos o tinham aceitado de tão mau aspecto ter. Foi ali recebido e agora era outro. Estava despreocupado porque finalmente lhe tinham cortado as unhas dos pés, coisa que em três hospitais não tinham conseguido, mas estava preocupado porque hoje tinha qualquer coisa marcada e não tinha conseguido que lhe fizessem a barba. Mostrou a mão que tinha sido serrada numa máquina de madeiras que foi reconstruída. Bem-disposto e simpático, dei-lhe um aperto de mão quando nos viemos embora.
A diferença entre um lar ou um centro de dia e um centro de acolhimento é ténue. Não há maus-cheiros, as pessoas são conhecidas pelos nomes e é um bom serviço que se presta. Este centro está aberto 24 horas por dia 365 dias no ano. Grande trabalho e grande dedicação.
A ida a este centro foi importante porque, por um lado, confirmou o nosso propósito e, por outro, despertou-nos para a necessidade de formação que devemos ter porque a questão é complexa.
Hoje celebrei no Colégio do Sagrado Coração de Maria com alunos do 8º ano. Falei-lhes da importância de ir ao encontro dos outros, do estarmos atentos aos outros, ao sermos felizes fazendo felizes os outros, da maior alegria em dar do que em receber... dos gestos simples mas que fazem a diferença, sempre a lembrar-me de um vídeo que há dias uma amiga minha me mandou e que agora aqui partilho. A tradução em português do Brasil não é a melhor mas poderão sempre encontrar o original.


Mensagens populares deste blogue

Fátima descaracterizada

A fecundidade do casal

Oração para o início de um retiro