Crismados

No sábado passado foram crismados na paróquia de São Domingos de Benfica sessenta e três cristãos. De vários grupos e procedências, vinte e sete foram daqui do Convento. Na realidade o grupo era de trinta, sendo que três fizeram a iniciação cristã na vigília Pascal. Não se tratou só de abrir inscrições. De facto, adultos que queiram ser crismados (ungidos) têm que aprofundar a sua fé e a sua relação com Deus. Estes, de Outubro até sábado passado, cá se reuniram, num ritmo quinzenal, para aprender a abrir e a ler a Bíblia, a entrar nos dogmas da fé (Credo) e na vida da Igreja (sacramentos).
Fazer caminhada com gente adulta vale a pena. Porque querem, porque se interessam, porque se entregam, porque querem avançar... e nós vamo-nos dando também.
Um mês antes do Crisma, decidiu-se que escreveriam uma carta ao bispo que os ia crismar - este ano foi o Sr. Patriarca - e nessa carta escreveriam o que quisessem, mas que tivessem presentes duas questões: porquê avançaram? Que compromisso fazem?. Entreguei as cartas, o Sr. Patriarca leu-as  e referiu-se a elas quer no encontro preparatório quer na celebração de sábado.
Ontem vieram à Missa. Apresentei-os à Comunidade. No final ofereceram-me, entre outras coisas, um caderno de mensagens. A capa que escolheram foi esta que ilustra este post.
Agora, confirmados pelo Espírito Santo, são chamados a ser testemunhas de Cristo e membros vivos na Igreja.
Hoje faço esta oração por eles:




Espírito Santo,
que fecundaste com a tua sombra o seio de Maria, Mãe de Jesus,
f
ecunda hoje, com a abundância dos teus dons, a vida destes crismados.
Que a sabedoria os ajude a bem viver,
a inteligência a bem pensar,
o conselho a bem ponderar,
a fortaleza a bem testemunhar,
a ciência a bem apreciar,
a piedade a bem amar
e o temor de Deus a bem cumprir
em tudo e sempre a Sua vontade.
Espírito Santo, amor de Deus em nós,
Sopro vivo de Cristo Ressuscitado,

anima estes crismados para que se sintam responsáveis
na construção do Reino de Deus
partilhando a fé e a esperança que trazem no coração.
Ámen.

Mensagens populares deste blogue

A vida de São Macário

Primeira Comunhão

São Bruno