Regresso ao latim

1. De repente regressei ao latim. Agora que o Missal e Leccionários da Ordem estão prestes a dar entrada na Congregação para o Culto Divino e Disciplina dos Sacramentos, entreguei-me a uma causa suspensa, a tradução da Liturgia das Horas do Próprio da Ordem. Mais uma riqueza espiritual do Rito Dominicano.
As traduções e adaptações fáceis ficam por minha conta: Antífonas, responsórios breves e longos, procura das traduções existentes dos textos da Bíblia... O mais difícil, que são os textos patrísticos ou das origens da Ordem, ver-se-á para quem ficará. Horizonte: Feirão de 2015.
Mas o latim está a morrer. Até na Igreja, que era um dos últimos redutos. As edições típicas, aos poucos, deixam de ser em latim. Quando estive em Dezembro no Vaticano, um monsenhor dizia isto mesmo: na actualidade os latinistas são só tradutores de latim e não como os de antigamente que pensavam e estavam estruturados para o latim. Hoje em dia raramente alguém escreve uma encíclica ou um Breve directamente em latim. A encíclica do Papa Francisco foi escrita em espanhol e depois traduzida nas outras línguas, o latim inclusive... Mas se o latim servia na Igreja, era em grande parte para as questões de tradução, funcionava como que o original. Mas agora não, pelo menos neste caso concreto.
Mas eu ainda vou ao latim. Pouco ou nada sei, ajudado por dicionários e de outras traduções vou fazendo o meu trabalho.
2. Acabo de receber um mail de um dos membros da Comissão Litúrgica da Ordem a comunicar-me o vencedor do hino do Jubileu da Ordem (2016). Hoje ainda não posso adiantar muito mas posso sim dizer que o vencedor foi o B (as candidaturas foram anónimas para o júri) que, por acaso, é um dominicano. E com o refrão em latim!: Laudare, Benedicere, Praedicare. Sim, o latim na Igreja ainda é linguagem universal! Ficamos à espera que o coloquem no site dos dominicanos para depois eu também aqui o colocar. Para 2016 tenho muitos planos: pessoais, provinciais e gerais. Assim Deus me dê saúde e tempo para ir fazendo o que é necessário.

Mensagens populares deste blogue

Fátima descaracterizada

A vida de São Macário

Oração para o início de um retiro