Morreu-me um amigo

Acabo de receber a notícia da morte daquele meu amigo, de 10 anos. Ainda há duas horas estive com ele, administrando-lhe a santa unção.
As palavras são poucas quando vemos que a morte toca crianças inocentes.
O avô dizia-me que isto só é compreensível aos olhos da fé. E é verdade.
Apesar de tudo, perdemos guerras mas vencemos as batalhas.
Que Deus acolha este menino de olhos vivos e que encha o céu de alegria.


(Há dois dias o Simão pediu um avião para brincar...)

Mensagens populares deste blogue

Fátima descaracterizada

A fecundidade do casal

Oração para o início de um retiro