O sinal da Cruz


A meio da nossa caminhada quaresmal, o Evangelho fala-nos do sinal da Cruz, das trevas e da luz. Infelizmente a cruz tornou-se, para muitos, um adorno. Trazemo-la ao peito, talvez à vista, se for valiosa ou de rara beleza. 
Mas para um cristão que leve a sério o Evangelho,  a cruz é um sinal de luz, de amor e de redenção. São João, ao comentar a morte de Jesus na Cruz, vai lembrar a passagem bíblica "hão-de olhar para aquele que trespassaram". A cruz tem de ser lugar de confronto, de identificação, de resignação, até. O cristão, sobretudo aquele que sofre, aquele que está desprotegido, tem na cruz a cura e o descanso. Descansar à sombra da cruz, dizia São Rafael Araniz. A Cruz não será nunca um sinal de derrota. Ela estará sempre alçada no calvário do mundo para que, todo aquele que olhar para ela, sinta a força e o perdão de Deus. Bom domingo.

Mensagens populares deste blogue

Fátima descaracterizada

A fecundidade do casal

Oração para o início de um retiro